quinta-feira, abril 19

Dias

Chega amor! disse-lhe. Somos um silencio degradante, insano quando quebrado.
Chega amor!
disse-lhe.
Porque saturámos o que fomos!
E proponho amor,
disse-lhe,
que a filhota passe quarto de Lua com cada um.

- “Sim...”, respondeu.

Vou partir amor, até já...
- “Não!”, retorquiu, colocando a filhota no tabuleiro, pela primeira vez na vida mentindo-me.

Nesse dia, mais que decepcionar, arredou-me das marés que desfraldado já rumava.

Dias passaram mas sai, para regressar, e amo-a claro. A mentira e a chantagem são humanas e eu amo o Homem, não gosto é de pessoas, e de gente...

Abraço humano

9 comentários:

SONY disse...

Não é á toa que se diz "errar é humano"
Agora errar muitas vezes...
Um bj Sony :-)

VICIO disse...

senti o que disseste!
mas é humano...

Elipse disse...

surpreendes-me sempre. mas ainda não consigo verbalizar os porquês.

Dias... disse...

Bom dia SONY
Não tenho por costume cometer o mesmo erro muitas vezes mas o meu "orgulho" é relativamente flexivel e tem a memoria relativamente curta.
Beijo

VICIO
Humano est

ELIPSE
Fico à espera que os consigas verbalizar, um dia.

SONY disse...

Olá Dias Boa Tarde!
Fazes bem, ter o orgulho flexivel é bom!
Já eu não sei se toleraria o mesmo erro muitas vezes lol
Talvez seja esse um rro meu!
Mas Errar é humano e sou Humana!
Bj Sony

impulsos disse...

Um erro é sempre um erro...
Mas pode sempre remediar-se... assim haja vontade!

Um beijo num impulso

Cindy disse...

A mim, mais que uma mentira pareceu-me uma segunda reflexão...! E mudar de opinião é humano!
Beijokitas de um bom fds!

Enfim... disse...

Bjokas e bom fim semana

Papoila Sonhadora disse...

Ola Andre, nao ha erros! Errar faz parte da maturaçao do individuo.
Ha emoçoes menos boas, substituimos assim a palavra, nao te importas pois nao?
De facto, Augusto Cury, um Sonhador/ Pensador, Personagem multifacetada que tanto aprecio fala sobre os erros, algo importantissimo, convem pesquisares tu mesmo.
De momento, acho que escreves com a Alma nas maos, mas com o Pensamento perdido no Tempo! Basta Ser, basta Sentir, solta as amarras ao pensamento, sorri, um pouco!
Deixo-te uma folhinha para os teus Sonhos embalar e uma Petala para os perfumar,
Doce bjinho,
Papi Sonhadora,

Minha foto
Algés, Oeiras, Portugal
eu sou quem