quinta-feira, abril 5

Da Pascoa à Mulher

A Páscoa reúne dezenas de festividades pagãs, ao longo de milénios de impérios, numa celebração de três dias que desliza com o calendário lunar.
E nós, maioritariamente, de uma forma ou outra, católicos-apostólicos-romanos, celebramos a repetição do periodo da crucificação à ressurreição de Jesus Cristo.

Jesus morre na cruz vitima de asfixia, num espaço de tempo bastante mais curto que o habitual, provavelmente devido à desumana perda de sangue. E ressuscita ao terceiro dia, conforme a palavra de Deus escrita pelo Homem com um milénio de antecedência.

A primeira pessoa a quem se apresenta ressuscitado é Maria Madalena. A hoje santa e na altura esposa, que a terceira geração de cristãos se encarregou de difundir como “a exorcizada” (uma piada histórica que demorámos dois mil anos a perceber) e mais tarde, na podridão da idade média, como “a prostituta”, mesmo sem qualquer fundamento bíblico que o suportasse.

A ressurreição, o seu repetido testemunho ocular, se bem que sempre dentro do mesmo núcleo de indevidos (os Apóstolos), é o argumento que permite aos auto intitulados “Santos” (primeiros cristãos) defenderem pelo amor da fé a mensagem obviamente lindíssima de Cristo. Uma mensagem que só esteve próxima de ser globalmente incorporada com os movimentos hippies dos anos 60.

Amem o próximo como eu vos amei”.

Mas ninguém amou a pobre da Maria Madalena, o discípulo preferido do filho de Deus, a sua esposa...

Ao retirarem Maria do trono Papal, retiraram da historia milénios nos quais podíamos ter seguido a razão da mulher, quão diferente tudo seria, e é, quando as mulheres comandam.
Um Portugal Matriarca... aliás, com a serenidade feminina no comando das nações, duvido que existisse um Portugal ou uma Espanha, provavelmente existiria uma Europa porque existem oceanos, apenas isso.

Dois mil anos de mulheres a pensar o mundo e tenho a certeza que diariamente escreveria textos tão belos como os daquela Papoila.

Abraço de boa Páscoa

12 comentários:

Phantasma disse...

Dias...

Infelizmente parece que a retirada de Maria do trono Papal também retirou alguma visão da Humanidade.

Fico estarrecido ao ver os "bitolados" praguejarem contra aqueles que acreditam que Jesus deveria ter tido e teve o seu direito de ser feliz como Homem.

Um Homem que hoje em dia é visto como alguém que supostamante veio ao mundo por uma luz com o destino traçado nas linhas do sofrimento.

Como Homem e ser Humano, tinha sangue, quem tem sangue tem desejos e quem satisfaz os seus desejos sejam eles quais forem, é feliz.

Desde que me entendo por gente dizem: ATRÁS DE UM GRANDE HOMEM EXISTE UMA GRANDE MULHER, porque não empregarmos isso há 2 mil anos atrás?

O Homem (ser humano) está cada vez mais sozinho porque habituou-se a construir paredes e não pontes.

Abraços e Beijinhos

SONY disse...

Olá Dias , antes demais obrigada pela visita no meu cantinho.

Gostei deste teu texto, não por ser Mulher, mas sinceramente penso que as Mulheres talvez pensem de modo diferente mediante diversas situaçôes, e conseguem desenrolar-se em mil e uma mulheres para comandar a Vida! Muitas delas sozinhas com filhos e um Mundo à sua volta!
claro que nem todas, um pouco de ironia agora: imagina uma GATINHA MANHOSA no comando!
COITADOS DE NÓS!
HAHAHA
Uma boa Páscoa!
...mas penso ainda cá vir antes..mas por precaução de mulher...desejo-ta já!
Uma Santa Páscoa com os que mais amas na vida!
Um bj sony

Papoila disse...

Ola!!! Entao, mas que surpresa, chego eu agora a casa, vou ver os blogs, começo a ler-te e no final falas de Papoilas, ou melhor de uma Papoila! Deve ser interessante essa papoila...
Bem, gostei!
Voltarei, com mais serenidade para te reler e comentar.
Deixo-te um doce bjinho de encanto,
Papoila Sonhadora,

Papoila disse...

Andre, dia menos bom para o Benfica! Quantos palavroes disseste? Deixo-te um doce bjinho das nuvens de algodao doce,Boa noite,
Papoila Sonhadora,

SONY disse...

___FELIZ PÁSCOA___
__DE MIM PARA TI_______
***_**
_**___**_________****
_**___**_______**___****
_**__**_______*___**___**
__**__*______*__**__***__**
___**__*____*__**_____**__*
____**_**__**_**________**
____**___**__**
___*___________*
__*_____________*
_*____0_____0____*
_*_______@_______*
_*______________*
___*_____W____*
___**_________**
_______*****__
ESTOU AQUI PARA DESEJAR UMA PÁSCOA FELIZ, JUNTO DE QUEM TE FAZ SORRIR!
UM BEIJO GRANDE
SONY

EU DISSE QUE VOLTAVA: TALVEZ... :-)

Dias... disse...

PHANTASMA
"habituou-se a construir paredes e não pontes"

Lindo parceiro!

PAPOILA
Obrigada miuda, tudo de bom para ti e um beijinho agradecido.

SONY
Não tenho qualquer duvida (pelo contrario, tenho certezas) que as mulheres são bichos mais equilibrados, logo, mais dotadas para liderar. Infelizmente a historia recente não protegeu devidamente a sua (vossa) auto estima, mas por todo o globo surgem mais e mais mulheres em lugares que podem fazer a diferença e isso é extremamente positivo para o planeta.

Da Gata Manhosa nada sabia até à 2 dias atras, mas já alguém me tinha contado uma historia semelhante de enganos e mentiras... Por mim julgo que se deva dar sempre uma segunda oportunidade às pessoas, ela até pede desculpas on line... enfim, chatices.
Obrigada por tudo e beijo grande.

Papoila disse...

Ola, passo para retribuir as doce e belas palavras, um doce bjinho de encanto com o aroma das glicinias em flor,
Papoila Sonhadora,

Fausta Paixão disse...

não temos que carregar nos ombros a herança da crença.
Viva a semana da Paixão... e a mesa farta de boa carne à saída da via sacra!
Um beijinho faustoso.

Dias... disse...

PAPOLIA
Beijinho

FAUSTA PAIXÃO
Claro que tens razão.
Eu não a carrego, vivo-a, passo-a.
Beijinho e obrigada.

Cindy disse...

Beijokitas doces e Boa Páscoa!

Papoila disse...

Ola, desejo que todas as folhas escarlates, de todos os lugares magicos do mundo te visitem pela manha e se encontrem com o teu sorriso, eu estou no meu sitio habitual, sou sonho que vagueia, sou uma Papoila, eternamente, Sonhadora,
Bjinho de madrugada,

Dias... disse...

Cindy e Papoila
Muito obrigada e beijinhos.

Minha foto
Algés, Oeiras, Portugal
eu sou quem