quinta-feira, julho 5

Ferir a folha tua carne tornada.

Por e-mail, à laia de Desafio, pediu-me que casasse a minha arte com a sua carne. Desafio imenso, criar uma imagem para a sua pele suportar. Compromisso dos sérios, porque, para nós, se intemporiza.

Apresentou-me duas premissas: Joaninhas e Flores. Indicou-me exemplos pictóricos: Tribais fundamentalmente. E deixou-me com um dead-line de um mês. Deixou-me confiante na minha capacidade de lhe traduzir sentires no carvão, e depois na cor. Deixou-me e tentou fechar-se à expectativa.

Primeiro, rabiscos de intervalos nos dias. Depois, estruturas que em pops fui moldando na saudade. E finalmente, em desenho, criámos a nossa base para a sua Tattoo.
Ela adorou e eu estou orgulhoso por ela ter adorado.

Abraço agradecido, graças a ti experimentei e experimentei-nos.

Rabiscos e estruturas - ao Som da vida.
Não consegui ser Tribal, introduzi a dimensão, e apropriei-me da simbologia, mas o resultado, distante do que eu alguma vez sentiria necessidade de riscar, agradou-me.

Cor - ao Som de Kalashnikov.
O pincel que mais fere a folha é a caneta. Rotring 0.7 seria se não me tivesse sido imposta a presença de Cor. Arrisquei-me no feltro, técnica que desconheço, e gostei, não do desenho mas do desenho no seu corpo, corpo que ao desenhar de memória percorri.


Abraço na Carne

----------------------------------------------------------
Era heterogena, espontânea, misturada, não ocupando lugares previamente marcados. Pagina 161 - 5ª linha completa do livro Intervenção Extraterrestre em Fátima by Joaquim Fernandes e Fina D´Armada.
Agarrem no livro mais proximo e contem-nos: Esta Minha Casa , Fantasias e Realidades e Pitchulices miminho da omnipresente Um Momento

25 comentários:

Um Momento... disse...

Hum...
Vou já juntar ás outras duas frases que já tenho:D
A ver o texto que vai sair:)

Beijinho de boa noite...
acompanhando um bom Dias
(*)

Um Momento... disse...

Casar a arte com a carne dessa forma...é só e apenas...Belo

Numa só palavra:
Mágnifico!

Um beijo(*)

Miosotis disse...

Um olá...
Um adeus...
Um beijo perdido num campo de miosótis ressequido...

sony disse...

Bem não estou a capixar nada..e olha que não falo do post! lol!
è do sono talvez...algo me diz que algo não está bem...por aqui e por acolá!
bj
Sony:-)
Fica com Jesus!

sonhadora disse...

Leio-te, olho-te, sinto-te, pressinto-te na cor, no traço,no rabisco...fantástico.
Venho deixar-te beijinhos embrulhados em abraços

sonhadora disse...

Página 161? Amanhã com beijinhos embrulhado em abraços, as palavras dsembrulhadas.

Cindy disse...

Adorei a tattoo!
Bonito, sem ser vulgar, a jogar com o pedido, deu um excelente resultado.

Tou a ver é que vais começar a fazer muitas dessas artes, porque aqui as tuas leitoras vão começar a pedir... ;)

Quanto à frase, não tenho aqui nenhum livro à mão, só catálogos de material! Em casa, assim que começar a blogar logo agarro no 1º livro que tiver à mão e te digo!

Beijokas

Goddess Night disse...

Que querido amigo. Não és tu:)Mas o desenho e as palavras. Acabo de ficar com um grande sorriso,invadida por esta doce surpresa. Acabas de me satisfazer uma curiosidade. Saber de algo teu, pintado ou desenhado! Feliz contigo, pelas palavras que tão bem combinas com o trabalho final. Já fiquei bem disposta para o resto do dia, assim o espero!

Desafias-me para deixar aqui algumas palavras de um livro? Sabes certamente que este é um bom desafio para mim.
O que fica, é do livro que estou a ler e me foi oferecido e traduzido pela minha amiga de longa data, Fernanda Semedo.
A Mão de Dante, de Nick Tosches (último parágrafo da página 83)
"Porque aquilo que escrevi do fundo do coração, e aquilo que continuarei a escrever do fundo do coração, não pode ser modificado, nem numa vírgula, para reflectir o coração de outro nem o falso coração de plástico deste mercado que já foi mundo. Os meus livros não podem ser modificados mais do que se pode arranjar as unhas a um leopardo."

Beijinhos muito gordinhos para ti, sentindo o prazer de toda a tua arte.Dia muito feliz.

Um Momento... disse...

Boa tarde Dias

Passei , esbocei um sorriso e...

Deixei um (*)

Até logo(",)

Dias... disse...

UM MOMENTO
Numa so palavra: OBRIGADISSIMA.
E outra palavra: Beijo

MIOSOTIS
Um benvinda...
Um boa sorte...
Um beijo secado pelos teus

SONY
Acontece...
Beijo no sexto sentido

Elisabete disse...

Amigo,

casar a tua arte com a minha carne é um privilégio que acrescenta um novo sentido à minha vontade de marcar o corpo com o que de mais importante para mim existe.

um beijo enorme para vocês ; )

P.S. - adorei ver-te no canto superior direito.

Dias... disse...

SONHADORA
Uma vénia por cada frase tua, oh deusa do Amor. Muito obrigada pelo privilegio de te receber.
Abraços embrulhados em beijinhos

CINDY
Obrigada por teres gostado
Muito poucas são as "minhas" leitoras a quem desenharia para a carne. Tem de haver backround, sentidos e simbolos reconheciveis por ambos.
Jokitas ENORMES e FORTES

GODDESS
Este não sou eu, este é o meu eu para a minha amiga de sempre. Eu sou ainda pior :)
Espero que ainda estejas bem disposta e se não tiveres, toma lá um beijão para recuperares *
A Mão de Dante, de Nick Tosches Muitos e muitos paragrafos se podiam retirar dessa obra quase prima, bom livro para se ter à mão, obrigada e mais uma beijoca grande.

Dias... disse...

UM MOMENTO
Até daqui a ti 1 * deixo.

ELISABETE AMIGA DE SEMPRE
A Tattoo que desenhaste para nós, guardeia do lado esquerdo do pensar e do sentir.
Pulsa mais forte nos quintais, exije guarida em Carcavelos, lava-me quando atravesso os maiores Lagos... e conforta-me SEMPRE, porque foi, é, e será, a minha primeria Tattoo, TU.

Tu que ainda hoje te repetiste como gatilho, tu a quem o desafio me empurrou para finalmente riscar a minha carne, tu, novamente a primeira!

Acho que lá para os 90 (que jamais atingirei) vou experimentar o casamento, o meu primeiro casamento. Espero que estejas presente, a meu lado no altar, com o meu ramo nas mãos e o nosso ramo joaninhado orrgulhosamente exibido. (E por favor, não vás dizer à minha Mãe que te pedi em casamento para daqui a 50 anos...)
Bêiju

gasolina disse...

Mais um.
Certeiro aos meus olhos fechados porque tudo vejo nessa folha, a mancha do carvão, o fio fino de aço da rotring ferindo, o feltro amaciando a mercurocromo a cicatriz, talvez limpa nos contornos com o indicador molhado de saliva.

Não te beijo, amparo-me a ti.

as velas ardem ate ao fim disse...

Engraçado lancei o mesmo desafio.

Quanto ao trabalho de cor amei.

bjinhos

impulsos disse...

Dias, que te posso dizer eu de tudo isto?
Bem, se aquilo é uma tatuagem, deixa-me dizer-te que está bem bonita.
Acho até, que casava bem num pedaço de pele minha...
Talvez no ombro, quem sabe.

És muito versátil e possuis imensos talentos que vão da escrita, passando pela fotografia e agora tattoos...
Muito bem, mereces parabéns!!!

Obrigada por todos os teus comentários lá nos meus impulsos, deste-me coragem para recomeçar.
Obrigada!

Um beijo

Um Momento... disse...

Passei...
um sorriso esbocei...
Boa noite desejo...
Um beijo te sopro

(*)

Um Momento... disse...

Passei...
um sorriso esbocei...
Boa noite desejo...
Um beijo te sopro

(*)

Um Momento... disse...

Visses tu o meu esboço...
E sorririas tanto quanto eu:))))

Um beijo...Bem aí(*)

mari crrrrruuuu... disse...

Sim, eu também sorri com esse trabalho de cor e engenho :)

Bjinho***

Dias... disse...

GASOLINA
Tu tens esse dom de me ler bem, e melhor ainda opinares.
Parabéns miuda e um beijo agradecido por me enriqueceres.
P.S.- Desculpa o beijo, afinal é um ampeijo.

AS VELAS
Muito obrigada.
Beijinhos

IMPULSOS
É muito bom termos-te de volta, aliás, É EXCELENTE termos-te de volta!

Ninguém pode utilizar o desenho para uma Tatto. Por maior orgulho que me desse vela fotografada no teu ombro, ela é unica e já tem senhoria.(que ja me deve estar a rogar pragas por ter colocado a pic online...)

Muito obrigada pelos parabéns, imediatamente retribuidos à tua Arte, que se está de volta, apenas a TI e mais ninguém se deve.

Beijo enorme *

UM MOMENTO
Gosto disto que nós temos, obrigada e beijocas.

MARI
Muito obrigada pelo sorriso.
Beijinhos 3

sony disse...

"Intervenção Extraterrestre em Fátima"

Pois agora é que eu percebi, andas a ler estes livros de extraterrestres depois dizes-me que a extraterrestre verde, de um planteta tipo " O planeta dos macacos sou eu?"
Ha malandreco!

Já me fizeste rir no MOMENTO!

HiHiHI!
Bj sony:-)

Como tu só tu!

Fica com Jesus!
Good night!
:-) :-)

Um Momento... disse...

Dias

Tu ...a Sony...
Hoje é mesmo á gargalhada:D

Um beijo assim...nem sei como...

( estou mesmo , mesmo a rir á toa :D)

Assim é impossivel deixar uma noite serena , mas sim ...
uma noite cheia de boa disposição:D

Beijinho (*)

Um Momento... disse...

Bom dia Dias!!

E o sol continua a espreitar,

E eu vim num ápice ...

te desejar:

Dia bom para ti :D

(*)

Cindy disse...

Página 161, 5ª linha do livro "Intuição, conhecer para além da lógica" de Osho:
"As antigas escrituras dizem que o mestre ou o guru - o guru "exterior" - serve apenas para encontrar o guru interior."

Livro pousado em cima da secretária do Phantasma há meses! O 1º à mão!

Este desafio é para passar adiante no meu blog ou fico-me por aqui??

Beijokitas

Minha foto
Algés, Oeiras, Portugal
eu sou quem